fbpx

Governança de TI

Para entender o que é governança de TI – tecnologia da informação – e qual é o seu propósito, primeiro precisamos entender o conceito de governança corporativa, que é essencial para todas as grandes empresas hoje.

A necessidade das empresas em adotar políticas de governança corporativa se faz necessária a cada dia e, com o tempo, a complexidade dos processos de negócios aumentou, principalmente nas empresas que atuam com companhias abertas, pois compram e vendem suas próprias ações, o que significa que há transparência administrativa. Exigências maiores para que acionistas e investidores percebam que seus fundos são bem administrados.

Com o desenvolvimento da tecnologia (principalmente da tecnologia da informação), as empresas passam a armazenar suas informações (financeiras ou não) em sistemas de informação, o que é um importante papel da governança de TI.

A governança de TI pode garantir a transparência e credibilidade das informações e processos

 

Na situação atual da empresa, Brasil e global, a governança de TI é parte integrante e importante aliada da governança corporativa, e desempenha um papel importante na formulação de estratégias e definição de objetivos organizacionais.

Na verdade, governança de TI se refere a um conjunto de regras, responsabilidades, habilidades e competências compartilhadas e assumidas por executivos de TI, gerentes, pessoal técnico e usuários dentro das associações estruturadas da empresa, visando controlar de forma eficaz os processos, garantindo a segurança e otimização da informação A utilização de recursos e suporte para a tomada de decisões estão em linha com a visão, missão e objetivos estratégicos da organização.

Essa definição esclarece a importância da governança de TI, indicando que não é apenas uma área suportada por processos de negócios, mas também parte fundamental do planejamento estratégico de grandes empresas.

Gostaria de ler mais?